O Governo português condena veementemente o duplo ataque registado em duas localidades na região ocidental do Níger no sábado e que resultaram no massacre de pelo menos 100 civis, a cujas famílias dirige as suas mais profundas condolências.

O Governo português reitera a sua total solidariedade para com o povo e Governo do Níger, em reconhecimento dos profundos desafios que enfrentam no combate ao flagelo terrorista e dos esforços já encetados nesse domínio, tendo ainda em vista o processo eleitoral em curso no país.

O Governo português renova o seu apoio aos esforços internacionais de combate ao terrorismo no Níger e na região do Sahel.

 

Lisboa, 4 de janeiro de 2021

  • Partilhe