O falecimento do Embaixador José Cutileiro deixa a diplomacia portuguesa muito mais pobre. Nas várias missões que desempenhou, foi sempre um excecional servidor das causas e dos interesses de Portugal.

O seu profissionalismo e dedicação, o modo como prestigiou o país no estrangeiro e como ocupou importantes cargos internacionais, são um exemplo para todos os diplomatas.

 

  • Partilhe