A Rede Diplomática é o conjunto das missões diplomáticas e postos consulares de um Estado. Cabe à Rede Diplomática representar os interesses do Estado junto dos países recetores ou organizações internacionais em causa.

RedeDiplomatica


Por missão diplomática entendem-se as embaixadas nas capitais dos países (e.g., as Embaixadas de Portugal em Washington, em Paris ou em Luanda) e as missões permanentes junto de organizações internacionais (e.g. Nações Unidas ou Conselho da Europa). Estas últimas podem também ser designadas como delegações e representações (e.g. Delegação de Portugal junto da NATO ou Representação Permanente junto da União Europeia).

Os postos consulares são os consulados-gerais, consulados, consulados honorários, vice-consulados, agências consulares e secções consulares. Ver também Questões Frequentes.

Enquanto a ação diplomática compreende as várias vertentes das relações entre Estados nas suas múltiplas áreas (relações económicas, políticas, culturais, negociação e celebração de acordos, etc.), a ação consular está centrada na proteção e prestação de serviços aos nacionais residentes num país de acolhimento em termos de: assistência e socorro, registo e notariado, emissão de passaportes e documentos de viagem, atividades económicas ou culturais.